Arquivo do dia: 05/06/2011

Um Clássico de História (via numerosdabola)

Um Clássico de História O clássico das multidões ganhará mais um episódio amanhã (5), quando Flamengo e Corinthians se enfrentarem no Engenhão, pela 3ª rodada do Campeonato Brasileiro. E como sempre ocorre em grandes jogos, um componente especial estará em campo: a despedida do sérvio Petkovic, um dos maiores jogadores da história recente do Flamengo. Quando se enfrentaram pela primeira vez, no longínquo amistoso de 1º de dezembro de 1918, vitória corintiana por 2×1, ta … Read More

via numerosdabola


Sobre a camisa grená.

Uniforme II deu sorte ao Corinthians, 2 X 1 no Coritiba!

 

Muito tempo se passou e muita coisa aconteceu desde o último post, mas o tempo voa e é muito difícil achar tempo pra escrever. Mas como não sou jornalista, não gosto da obrigação de escrever, até pra não ficar chato, pois o blog tem de ser uma distração e desabafo. Vi a repercussão que a camisa qrená do Corinthians deu na mídia e nas redes sociais, vi até a nota dos gaviões da fiel, jornalistas etc.

Eu achei a camisa bem bonita e quando foi usada pela primeira vez teve uma boa causa, pois era para homenagear o time do Torino da itália que foi o primeiro time internacional a enfrentar o Corinthians e que tinha uma camisa grená, e que sofreu um acidente onde morreu o time inteiro.

Ocorre que o Corinthians não tem dono, pertence a todos nós corinthianos, e para aqueles que não são sócios, mas querem contribuir com o time de alguma forma, o marketing esportivo e venda de produtos e camisas são uma boa opção.

Sou de Santo André, já na divisa com a cidade de São Paulo, ali em São Mateus, Itaquera, e sei bem o que o Corinthians representa pra esse povo. Quando somos campeões parece até fim de ano de tantos fogos, muito mais do que a torcida de outros times.

Nunca tive a oportunidade de frequentar o clube, mas entendo que isso não me torna menos corinthiano do que os sócios! Cuidado para vocês não ‘Elitizarem o Corinthianismo’, e acharem que quem é de São Paulo é mais contiano do que os que estão fora da cidade, do Estado ou do País. me mudei para o Estado do Paraná, onde a torcida do Corinthians é maior do que a do Coritiba e do Atlético Paranaense juntas e é o estado onde tem mais coirnthianos depois de São Paulo, e tem muito torcedor fanático que mata e morre pelo time.

Ser Corinthiano é um estado de espírito, é uma religião, não importa se mora no Tatuapé ou na PQP! Sou contra a campanha de que não podemos comprar camisas que não sejam preta e branco ou só a branca. Quando era criança tinha um sonho de ter uma camisa do corinthians oficial e não podia ter. Hoje gosto de colecioná-las e entendo que isso não prejudica o time, pois se prejudicasse, não estaríamos construindo Estádio, não teríamos a marca mais forte dentre todos os times, não teríamos saído da segunda divisão com a facilidade que saímos, CT novo,  etc.

Os clubes hoje são cada vez mais parecidos com empresas, infelizmente, e se bobearmos vamos ficar pra trás. Pensar no Corinthians como os áureos tempos, onde não se pensava em investimentos, já não funciona e isso é fato.

Portanto, sem essa de que não é bom vender camisa, o marketing não presta, blá blá blá, cada um faz sua parte e no fim dá tudo certo. Claro que a camisa tem toda uma história, sem falar na mística, mas arrecadar dinheiro por outros meios faz bem pro clube, até porque, se fosse manter o clube com dinheiro dos sócios, seríamos um time medíocre.

Vamos nos preocupar com o que está por vir, e fiscalizar a construção do Estádio, contratação de jogadores, pressionar técnico e dirigentes, torcer muito, apoiar o time como sempre a fiel faz e deixar essas questões menores e protestos idiotas como o visto no jogo contra o Coritiba, onde dois bestas entraram o campo exibindo a camisa listrada em protesto contra a grená de lado. E fim de papo!

 

Vai Corinthians Porra!


%d blogueiros gostam disto: